Manoel da Conceição

TAMANHO DESRESPEITO !

          Emplacou-se o absurdo : « a libertação do Maranhão e do seu povo deve passar pelo fortalecimento da hegemonia sarneyista”. Eis a decisão ! Decisão que fere a honra e a história do povo do Maranhão. Quanta insensibilidade !

          Foi após um massacre ocorrido no seu município que Manoel da Conceição foi baleado e perdeu a perna. “Minha perna é minha classe”. Jurou lutar o resto de sua vida. Sonhou, lutou, foi exilado e anistiado…

          Manoel, você tem nome, tem identidade, é cidadão, fez e é HISTÓRIA, Animado pela firmeza permanente, você não tolera mais a dominação e a humilhação. Você é povo e Povo merece respeito. É no silêncio de sua vida que se manifesta a grandeza de sua alma e a sua paixão pela causa que ainda sustenta seu quotidiano.

          Hoje, com o corpo marcado pela fragilidade, ainda prefere doar sua vida com a esperança do povo renascer. É o gesto escolhido para diminuir a sua indignação.

          “Não tenha medo, venci o mundo”. Que o Deus que se fez gente o acompanhe e tome todo cuidado de você.

                                                           Victor Asselin